Pular para o conteúdo principal
Grupo dos Trinta reúne-se no BID para discutir as perspectivas mundiais diante da crise financeira

O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) sediou na segunda-feira o seminário do Grupo dos Trinta (G30) sobre o sistema bancário internacional, com altas autoridades discutindo as perspectivas econômicas mundiais, o estresse financeiro e as respostas regulatórias.

O presidente do BID, Luis Alberto Moreno, falou sobre as perspectivas para os mercados emergentes. Moreno dividiu um painel com Martin Feldstein, professor da Harvard University e Presidente Emérito do National Bureau of Economic Research; Tommaso Padoa-Schioppa, ex-Ministro da Economia e Finanças da Itália; e Masaaki Shirakawa, governador do Banco do Japão.

O Grupo dos Trinta, estabelecido em 1978, é uma organização internacional privada sem fins lucrativos composta de representantes do mais alto nível dos setores público e privado e da área acadêmica.

Seu objetivo é aprofundar o entendimento de questões financeiras e econômicas internacionais, analisar as repercussões internacionais de decisões tomadas nos setores público e privado e examinar as opções disponíveis para os participantes do mercado e para os formuladores de políticas.

Jump back to top