Pular para o conteúdo principal
Com apoio do BID, Eletrobras estreia "green bonds" para financiar linhas de transmissão

Com apoio do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), o Grupo Eletrobras estrou no último mês de setembro no mercado de títulos verdes ("green bonds") com uma emissão de papéis de dívida realizada pela filial CGT Eletrosul. Foram R$ 185 milhões em debêntures de infraestrutura incentivada, lançados com o objetivo de financiar linhas de transmissão de eletricidade.

A entrada da Eletrobras neste mercado de títulos de dívida temáticos foi apoiada pelo BID. Envolvido em cerca de 30% dos lançamentos desse tipo de papel já ocorridas na América Latina e Caribe, o BID ofereceu a Eletrobras suporte técnico e financeiro, viabilizando o avanço nas etapas que antecederam esta emissão, incluindo: 

  • melhora no rating ESG (avaliação da empresa quanto a adesão a critérios ambientais, sociais e de governança), e 
  • preparação e atualização de documentos como o framework para emissão de títulos e avaliação de segunda opinião (Second-Party Opinion). 

Para o apoio nessas etapas, o BID contratou a empresa Sitawi Finanças do Bem, referência no segmento no Brasil. 

Com este lançamento, a CGT Eletrosul pretende alavancar os projetos de investimento em reforços atrelados aos Contratos de Concessão de Transmissão da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), enquadrados pelo Ministério de Minas e Energia (MME) como prioritários.  

Desde 2020, a Eletrobras já possui a Certificação Internacional Verde emitida pelo CBI (Climate Bonds Initiative) e Selo Verde obtido através da Segunda Opinião (SPO) para projetos de geração eólica e solar, apresentando agora também os pré-requisitos necessários para emissão de títulos verdes (os green bonds) para linhas de transmissão. O grupo também obteve avaliação positiva quanto a sustentabilidade por parte da verificadora independente Vigeo Eiris. 

Sobre o BID
O Banco Interamericano de Desenvolvimento tem como missão melhorar vidas. Criado em 1959, o BID é uma das principais fontes de financiamento de longo prazo para o desenvolvimento econômico, social e institucional da América Latina e o Caribe. O BID também realiza projetos de pesquisas de vanguarda e oferece assessoria sobre políticas, assistência técnica e capacitação a clientes públicos e privados em toda a região.
 

Contato de Imprensa

Borges De Padua Goulart Janaina

Borges De Padua Goulart Janaina
Contactos de Prensa Externos

Bruno Aragaki

Bruno Aragaki
Additional Contacts

Braly-Cartillier,Isabelle Frederique Fra

Braly-Cartillier,Isabelle Frederique Fra
Jump back to top