Pular para o conteúdo principal
BID, Ministério da Justiça e BNDES firmam parceria para impulsionar segurança pública

INICIATIVAS AJUDARÃO AS TRÊS ESFERAS DO GOVERNO NO PLANEJAMENTO, GOVERNANÇA E GESTÃO

São Paulo – O presidente do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Luis Alberto Moreno, o ministro da Justiça e Segurança Pública (MJSP), Sergio Moro, e o presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Gustavo Montezano, assinaram hoje um memorando de entendimentos para impulsionar investimentos efetivos e inovadores dedicados a aprimorar a segurança pública no Brasil, em linha com a Política Nacional de Segurança Pública e Defesa Social (PNSPDS) e com o Sistema Único de Segurança Pública (SUSP).

O memorando deve estimular possíveis linhas de crédito para financiar programas e projetos, assim como fortalecer os mecanismos de planejamento, governança e gestão do SUSP, de modo a melhorar os resultados relacionados à concepção, monitoramento e avaliação dos projetos e das políticas de segurança pública e defesa social brasileira.

Com o acordo será possível explorar a possibilidade de cooperação, participação e colaboração em diferentes áreas da segurança pública como assessoria técnica e estruturação de carteira qualificada de projetos, em alinhamento à PNSPDS e às diretrizes do SUSP. Será possível também, em caráter piloto e/ou experimental, utilizar propostas de atuação baseadas em evidências e focadas em modelos e práticas inovadoras para incremento da eficiência e da qualidade dos serviços de segurança pública e defesa social.

A partir do uso intensivo de tecnologia e modelos inovações de prestação de serviços públicos, as instituições vão construir diretrizes para desenvolver e priorizar projetos dedicados a racionalizar despesas e aumentar a eficiência operacional dos órgãos e unidades de segurança pública e defesa social da união, dos estados e dos municípios.

Outro ponto a ser explorado é o potencial de cofinanciamento de projetos estratégicos e estruturação de instrumentos que promovam a alocação de recursos privados, em complemento aos investimentos públicos a serem realizados no setor, tais como a estruturação de mecanismos de garantia, tanto pública como privada e de mercado de capitais.

As instituições vão ainda intercambiar informações e experiências, em especial a respeito de casos de sucesso e metodologias de atuação baseadas em evidências, bem como definir diretrizes para monitorar e avaliar programas e projetos. A assinatura aconteceu hoje durante o Brasil Investment Forum (BIF), em São Paulo.
 

Sobre o BID
O Banco Interamericano de Desenvolvimento tem como missão melhorar vidas. Estabelecido em 1959, o BID é a principal fonte de financiamento de longo prazo para o desenvolvimento econômico, social e institucional da América Latina e do Carine. O BID também realiza pesquisas de vanguarda e oferece assessoria de políticas, assistência técnica e capacitação para clientes do setor público e privado em toda a região.
 

Contato de Imprensa

Borges De Padua Goulart Janaina

Borges De Padua Goulart Janaina
Contactos de Prensa Externos

Suélem Barroso

Suélem Barroso
Additional Contacts

Serrano Berthet,Rodrigo

Serrano Berthet,Rodrigo
Jump back to top