Pular para o conteúdo principal
BID e governo da Dinamarca organizam conferências conjuntas sobre responsabilidade social empresarial

O governo da Dinamarca e o Banco Interamericano de Desenvolvimento organizarão a conferência “Responsabilidade social empresarial na Europa e na América Latina e no Caribe: o melhor de dois mundos”, em Salvador, Bahia, em 13 de dezembro de 2006. O evento se seguirá à IV Conferência Interamericana sobre “Responsabilidade social empresarial: um bom negócio para todos”, organizada pelo BID, o Instituto Ethos e a Federação das Indústrias do Estado da Bahia.

Há um interesse  crescente no tema da responsabilidade social empresarial (RSE) entre as empresas privadas tanto na Europa quanto na América Latina. Esse interesse reflete uma consciência cada vez maior do papel positivo que podem desempenhar nas sociedades onde operam e investem, contribuindo para o desenvolvimento social e econômico.

A RSE proporciona uma oportunidade para que as empresas participem ativamente na busca de soluções para alguns dos principais desafios sociais e ambientais decorrentes da globalização crescente. Ao mesmo tempo, existem cada vez mais evidências de que a RSE pode contribuir para a competitividade de negócios em particular, além de setores e nações inteiros.

A conferência com a Europa se realiza em seguida à IV Conferência Interamericana sobre Responsabilidade Social Empresarial. A realização conjunta dos dois eventos fortalecerá a plataforma para intercâmbio de idéias e experiências entre as regiões e permitirá às empresas e formuladores de política europeus conhecer melhor os progressos feitos no campo da RSE na América Latina e no Caribe.

As empresas em ambas as regiões estão experimentando e desenvolvendo novas e inovadoras abordagens à RSE. A conferência, ao explorar o que as empresas européias e latino-americanas podem aprender umas com as outras no campo da RSE, trabalhará na adaptação de “melhores práticas de negócios” às necessidades e condições econômicas e sociais específicas das duas regiões.

O objetivo é estabelecer um processo constante de troca de informações sobre políticas, práticas de negócios, pesquisa acadêmica e ações de organizações não-governamentais nas duas regiões.

Jump back to top