Pular para o conteúdo principal
BID e Estado do Pará assinam contrato de empréstimo para modernização da gestão fiscal

INVESTIMENTO VAI APRIMORAR COMPONENTES ESTRATÉGICOS FISCAIS E FINANCEIROS DO ESTADO, ALÉM DE PROPORCIONAR MELHOR ATENDIMENTO AO CONTRIBUINTE

Brasília – O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e o Governo do Pará assinaram ontem contrato de empréstimo para contribuir para a sustentabilidade fiscal do Estado por meio da modernização da gestão fazendária, melhoria da administração tributária e da gestão do gasto público, dentro da linha PROFISCO II.

Participaram da assinatura o governador do Estado do Pará, Helder Barbalho; o representante do BID no Brasil, Hugo Flórez Timorán; o secretário de Fazenda do Estado, Rene Oliveira Sousa Junior; a procuradora do Estado do Pará, Viviane Ruffeil; a procuradora da PGFN, Ana Rachel Freitas da Silva e a especialista sênior em Gestão Fiscal do BID, Patrícia Bakaj.

O investimento do BID é de US$ 35,1 milhões e a contrapartida do Estado é de US$ 3,9 milhões. O projeto ajudará a aprimorar a gestão estratégica integrada, a administração tributária, financeira, patrimonial e de controle interno, assim como fortalecerá os mecanismos de transparência e de comunicação com a sociedade.

O projeto vai contar também com o aproveitamento das novas tecnologias da economia digital como a inteligência artificial, machine learning, big data, advanced analytics e auditorias fiscais eletrônicas, assim como a automação do processo tributário que vão permitir inovar ainda mais na gestão fiscal.

Dessa forma, os cidadãos paraenses se beneficiarão ainda com a redução do nível de sonegação e evasão fiscal, melhor utilização dos recursos públicos, maior transparência sobre o uso e as despesas do serviço público, além do fortalecimento da relação entre o fisco e o contribuinte.

Na preparação do Projeto foi aplicada a Metodologia para Avaliação da Maturidade e Desempenho da Gestão Fiscal (MD-GEFIS) que identifica e avalia a maturidade dos processos da Gestão Fiscal nos eixos da Gestão Fazendária, Administração Tributária e Administração Financeira. Os resultados serão utilizados como linha de base para o monitoramento e avaliação dos processos e indicadores de desempenho do PROFISCO II Pará.

PROFISCO

O Programa de Modernização Fiscal (PROFISCO II) é uma linha de crédito que está disponível aos Estados brasileiros que visa contribuir para a sustentabilidade fiscal por meio de investimentos na modernização da gestão fiscal. A linha foi aprovada em 2018 e financia capacitação, serviços de consultoria, reforma e modernização de unidades operacionais e de atendimento ao contribuinte, além de aquisição de equipamentos de informática, sistemas e materiais.

Sobre o BID

O Banco Interamericano de Desenvolvimento tem como missão melhorar vidas. Criado em 1959, o BID é uma das principais fontes de financiamento de longo prazo para o desenvolvimento econômico, social e institucional da América Latina e o Caribe. O BID também realiza projetos de pesquisas de vanguarda e oferece assessoria sobre políticas, assistência técnica e capacitação a clientes públicos e privados em toda a região.

Contato de Imprensa

Borges De Padua Goulart Janaina

Borges De Padua Goulart Janaina
Contactos de Prensa Externos

Suélem Barroso

Suélem Barroso
Additional Contacts

Patricia Goes Bakaj

Patricia Goes Bakaj
Jump back to top