Pular para o conteúdo principal
BID aprova US$300 milhões para projeto de telecomunicações no Brasil

A Diretoria Executiva do Banco Interamericano de Desenvolvimento aprovou hoje um financiamento no total de US$300 milhões para a Empresa Brasileira de Telecomunicações S.A. (Embratel), provedora brasileira de serviços de telecomunicações, para apoiar seu programa de investimentos de 2006-2007.

O financiamento do BID incluirá um “empréstimo A” de até US$80 milhões do capital ordinário do Banco e um “empréstimo B” consorciado de até US$220 milhões, que consiste em recursos de instituições financeiras que assinam acordos de participação com o BID.

A Embratel é a principal companhia operadora controlada pela Embratel Participações S.A. (Embrapar), que por sua vez é controlada pela Teléfonos de México S.A. (Telmex). A carteira do grupo inclui telefonia local e de longa distância, Internet e serviços de dados para clientes corporativos, comunicações via satélite e televisão a cabo.

“A estratégia do grupo de diversificar seus serviços foi motivada pelo aumento da concorrência e alinha-se com a tendência da indústria de convergir”, disse o chefe da equipe do BID Jean-Marc Aboussouan, do Departamento do Setor Privado.

O programa de investimentos da empresa inclui recursos para a instalação de 900 quilômetros de cabos de fibra óptica de Porto Velho a Manaus, o que liberará capacidade de satélite para servir áreas mais remotas da região amazônica, e investimentos em telefonia local, o que apoiará o desenvolvimento de um mercado competitivo no segmento de serviços locais.

Jump back to top