Pular para o conteúdo principal
BID aprova desembolsos em moeda local à multibilionária linha de crédito condicional para projetos de investimento (CCLIP) no Brasil

O Banco Interamericano de Desenvolvimento anunciou hoje a aprovação da opção de emprestar em moeda local no âmbito da Linha de Crédito Condicional para Projetos de Investimento (CCLIP),  convênio multibilionário em vigor com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) do Brasil.

O CCLIP, lançado em 2004, permitiu que o BNDES apoiasse a expansão, a integração e o acesso a financiamento para o setor brasileiro de micro, pequenas e médias empresas com empréstimos de médio e longo prazos a projetos de investimento e capital de giro permanente para tornar as firmas mais competitivas.

A modificação, autorizada pela Diretoria Executiva do BID segundo o novo Mecanismo de Financiamento em Moeda Local, permitirá que o BNDES requeira desembolsos em reais e a conversão dos saldos de empréstimos pendentes em moeda local, se assim o desejar.

O CCLIP permite ao BNDES usar recursos de três operações sucessivas de até US$1 bilhão cada uma num período de nove anos. O primeiro dos três empréstimos já foi desembolsado quase por completo com operações que totalizaram $990 milhões em dólares dos Estados Unidos. Espera-se para breve um pedido do BNDES para um segundo programa.

A reformulação do CCLIP envolve também outras inovações, tais como a flexibilidade em determinar prazos e termos da amortização e preços baseados no custo efetivo do financiamento.

Os recursos do programa no âmbito do CCLIP totalizarão US$6 bilhões e os empréstimos contarão com a garantia do governo federal do Brasil. Desde 1995, o BID, o maior e mais antigo banco de desenvolvimento regional, apoiou cinco programas de linha de crédito multissetorial com o BNDES num total de US$4,5 bilhões.

O BNDES, a única fonte significativa de financiamento de médio e longo prazos para intermediários financeiros no Brasil, fornece crédito a micro, pequenas e médias empresas, o que desempenha um papel fundamental na modernização da indústria, dos serviços e dos processos produtivos.

Jump back to top