Pular para o conteúdo principal
Programa do BID de bolsas para funcionários públicos da América Latina e do Caribe em cinco centros de altos estudos

O Banco Interamericano de Desenvolvimento está convocando as inscrições dos candidatos ao programa de bolsas de estudos para funcionários públicos de nível médio da América Latina e do Caribe para que sigam cursos de mestrado em cinco universidades da região. O prazo de inscrição para o Centro Agronómico Tropical da Costa Rica é 31 de outubro.

As bolsas se destinam a funcionários com pelo menos cinco anos de experiência no setor público que não hajam alcançado os mais altos níveis da hierarquia em suas instituições. Os bolsistas deverão comprometer-se a regressar para trabalhar em seus países e seus empregadores deverão garantir expressamente que os funcionários poderão fazê-lo após concluir os estudos.

Os candidatos precisam ser cidadãos de um dos países membros mutuários do BID, ter menos de 45 anos, e haver obtido um título universitário com distinção.

Os bolsistas estudarão num país diferente daquele em que trabalham, para acrescentar às oportunidades de formação técnica as experiências e os conhecimentos que promovam em seus lugares de origem uma maior integração entre os países da região e a abertura à internacionalização.

A bolsa cobre os custos de matrícula, seguro médico e contra acidentes, despesas de subsistência e livros por até dois anos, além de uma passagem de ida e volta em classe turista do lugar de residência do postulante até a cidade onde se localiza a universidade. É efetiva a partir do começo do ano acadêmico e não abrange cursos de verão.

São os seguintes os programas de mestrado aprovados para as bolsas de estud

Mestrado em Política e Gestão da Ciência e da Tecnologia da Universidad de Buenos Aires, Argentina; mestrado em Política Científica e Tecnológica da Universidade Estadual de Campinas, Brasil; mestrado em Tecnologias de Informação e Administração do Instituto Tecnológico Autónomo do México; magister em Assentamentos Humanos e Meio Ambiente da Pontificia Universidad Católica de Chile; e mestrado em Socioeconomia Ambiental do Centro Agronómico Tropical de Investigación y Enseñanza, com sede na Costa Rica.

 

O candidato deve ser admitido para cursar um desses mestrados antes de solicitar a bolsa.

 

Informações sobre as bolsas de estudo e formulários de solicitação podem ser obtidos nos escritórios das Representações do BID nos países da região, bem como na sede em Washington, D.C., Estados Unidos.

 

A data limite para entrega de pedidos é final de outubro para os cursos que começam em janeiro e meados de dezembro para os estudantes que estão matriculados em cursos que começam entre março e abril do próximo ano. As bolsas serão concedidas no final de novembro para o primeiro grupo e no final de janeiro para o segundo.

Jump back to top