Pular para o conteúdo principal
Luis Alberto Moreno eleito novo presidente do Banco Interamericano de Desenvolvimento

A Assembléia de Governadores do Banco Interamericano de Desenvolvimento, reunida em sessão extraordinária na sede em Washington, D.C., elegeu como novo presidente da instituição ao diplomata e ex-ministro de Desenvolvimento Econômico colombiano Luis Alberto Moreno, anunciou hoje o BID.

Moreno assumirá em 1° de outubro de 2005 o comando do BID por um período de cinco anos. O novo titular sucederá a Enrique V. Iglesias, que apresentou sua renúncia em 31 de maio passado. O presidente é responsável pelas operações do Grupo do BID, formado pelo Banco, pela Corporação Interamericana de Investimentos e pelo Fundo Multilateral de Investimentos.

O BID, a maior e mais antiga organização de desenvolvimento regional, é a principal fonte de financiamento multilateral para a América Latina e o Caribe. Foi criado em 1959 para impulsionar o desenvolvimento econômico e social da região.

O mandato principal do Banco é promover a eqüidade social, a redução da pobreza e o crescimento econômico ambientalmente sustentável. Suas áreas de ação prioritárias são os programas sociais, a competitividade, a modernização do Estado e a integração regional.

Os presidentes do BID são eleitos com o apoio dos países que representam a maioria do capital do BID e o apoio da maioria absoluta dos governadores dos 28 países membros das Américas (26 países mutuários, Canadá e Estados Unidos). O BID tem um total de 47 países membros. Mantém representações em todos os países mutuários, além de um escritório na Europa e outro no Japão.

A Assembléia de Governadores, a autoridade máxima do Banco, é formada por um representante designado por cada um dos países membros. Os governadores – em geral ministros da Fazenda, presidentes de bancos centrais ou outros funcionários de alto nível – realizam reuniões anuais para examinar as operações do Banco e tomar as principais decisões de política. São convocadas reuniões extraordinárias em situações especiais, como a eleição do presidente.

Moreno será o quarto presidente do BID. Os presidentes anteriores foram o chileno Felipe Herrera (1960-1971); o mexicano Antonio Ortiz Mena (1971-1987); e o uruguaio Enrique V. Iglesias, que exerceu o cargo desde 1988 e teve seu mandato renovado três vezes (1993, 1998 e 2003).

Jump back to top