Pular para o conteúdo principal
Fumin aprova US$4,6 milhões para ajudar a financiar empresas emergentes de tecnologia no Brasil

O Fundo Multilateral de Investimentos (Fumin) aprovou US$4,6 milhões para dois projetos de tecnologia no Brasil — um deles fornecerá capital de risco para apoiar empresas emergentes de tecnologia e o outro ajudará a oferecer novos serviços e produtos tecnológicos a produtores agrícolas.

O Fumin fornecerá US$3 milhões em investimento de capital e uma doação de US$60.000 para ajudar a organizar o Fundo Stratus I, o qual proporcionará capital e assessoria técnico-financeira a uma dúzia ou mais de empresas brasileiras.

O componente de doação da operação cobrirá os custos de três avaliações independentes do desempenho do fundo, o qual fará investimentos em empresas emergentes de tecnologia no montante equivalente ao dos investimentos do setor privado.

Para o setor agrícola, o Fumin fornecerá uma doação de US$1 milhão para ajudar a oferecer novos serviços e produtos tecnológicos a produtores agrícolas para melhorar o crescimento do setor de agroempresas.

O programa, que será levado a cabo pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, apoiará o desenvolvimento de um sistema sustentável de incubação para ajudar empresas que estão iniciando atividades no setor agrícola e criará três projetos pilotos a fim de obter a experiência necessária para melhorar o sistema.

O Fundo Multilateral de Investimentos, fundo autônomo administrado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento, fornece doações e investimentos para acelerar o desenvolvimento do setor privado e ajudar a melhorar o clima de investimentos na América Latina e no Caribe.

Jump back to top