Pular para o conteúdo principal
Enfoque na nova política ambiental do BID

Um grupo consultivo de nove membros, criado em 2004 pelo presidente do BID Enrique V. Iglesias para aconselhar o Banco em sua nova Política do Meio Ambiente e Observância de Salvaguardas, realizou uma sessão de trabalho de dois dias com os gerentes do BID e especialistas em meio ambiente para discutir a minuta da política e o papel do Banco no apoio aos países da região para alcançar o desenvolvimento sustentável. O grupo divulgará no futuro próximo um relatório final sobre a política do BID, atualmente oferecida a consulta pública.

O grupo consultor foi criado para aconselhar sobre a melhor forma para que o Banco se posicione como líder e força positiva  em sustentabilidade na região mediante sua nova política ambiental.

A nova política é parte de um esforço mais amplo do BID para estabelecer novos rumos para a sustentabilidade através de suas operações e a promoção de um desenvolvimento ambientalmente sólido na América Latina e no Caribe.

O painel consultivo, chefiado pelo ex-secretário do Interior dos Estados Unidos Bruce Babbitt, é composto pelos seguintes membros: José Goldemberg, secretário do Meio Ambiente do estado de São Paulo; Stephen Green, presidente do Grupo HSBC; Lynn Holowesko, ex-presidente da Comissão de Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia das Bahamas; Yolanda Kakabadse, ex-presidente da IUCN; Thomas Lovejoy, presidente do Centro de Ciência, Economia e Meio Ambiente H. John Heinz III; William Reilly, ex-administrador da Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (EPA); Juan Mayr Maldonado, ex-ministro do Meio Ambiente da Colômbia; e Maurice Strong, sub-secretário geral da ONU.
 

Jump back to top