Pular para o conteúdo principal

BID e Ministério do Planejamento promovem debate sobre os desafios da política fiscal, produtividade e inovação

Iniciativa busca visão profunda sobre os desafios do desenvolvimento que poderão influenciar o Brasil nos próximos anos

Brasília - O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) realizou ontem, em parceria com a Secretaria de Assuntos Internacionais do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (SEAIN/MP), mais um encontro da iniciativa Desafios para o Desenvolvimento. O seminário compreendeu as prioridades, soluções, riscos e os desafios que o próximo governo enfrentará no período 2019-2023. O secretário de Assuntos Internacionais, Jorge Arbache, e o representante do BID no Brasil, Hugo Flórez Timorán abriram as discussões que foram divididas em três eixos norteadores.

O primeiro eixo abordou as possíveis reformas fiscais para conseguir manter o equilíbrio fiscal e aumentar a efetividade do gasto público. As reformas para melhorar a produtividade e o clima de negócios fizeram parte do segundo eixo temático com ênfase em uma maior integração econômica, na construção de uma infraestrutura sustentável e no fortalecimento da participação do setor privado no crescimento. Já o terceiro eixo trouxe os desafios e oportunidades trazidas pela transformação digital pela qual passa o mundo.

O encontro teve a participação de representantes e especialistas das principais entidades da área, incluindo a Casa Civil; IPEA; Secretarias de Orçamento Federal, Assuntos Internacionais, e de Tecnologia da Informação e Comunicação do MP; Secretarias de Política Fiscal e Tributária, Análise Econômica e Advocacia da Concorrência, e de Previdência do Ministério da Fazenda; Coordenação-Geral de Negociações Extrarregionais e Secretaria de Inovação e Novos Negócios do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC); Banco do Brasil; Departamento de Integração Econômica Regional da Subsecretaria Geral da América Latina e Caribe do Ministério de Relações Exteriores; Embrapa; Departamento de Política e Programas Setoriais em Tecnologia da Informática e Comunicação do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações; e Sebrae.

A iniciativa Desafios para o Desenvolvimento busca uma visão profunda sobre os desafios que poderão influenciar o Brasil nos próximos anos. Ao final da série de debates com distintas instituições, o BID definirá parâmetros em áreas estratégicas para suas ações no país nos próximos anos, que estejam de acordo com as necessidades do país e os planos e prioridades do governo.

Outros temas vêm sendo debatidos nos últimos meses, como infraestrutura sustentável, integração e comércio, saneamento, transportes, agricultura. Estão previstos mais três diálogos no segundo semestre de 2018 nos temas de eficiência do gasto social, transparência e previdência.

Sobre o BID

O Banco Interamericano de Desenvolvimento tem como missão melhorar vidas. Estabelecido em 1959, o BID é a principal fonte de financiamento de longo prazo para o desenvolvimento econômico, social e institucional da América Latina e do Carine. O BID também realiza pesquisas de vanguarda e oferece assessoria de políticas, assistência técnica e capacitação para clientes do setor público e privado em toda a região.

Contato de Imprensa

Borges De Padua Goulart Janaina

Borges De Padua Goulart Janaina
Additional Contacts

Rossi Junior,Jose Luiz

Rossi Junior,Jose Luiz
Jump back to top