News banner image

Notícias

Fundo do BID apóia programa de mentores para jovens empreendedores em países latino-americanos

O Fundo Multilateral de Investimentos (Fumin) do Banco Interamericano de Desenvolvimento anunciou hoje a aprovação de uma doação e um empréstimo em condições facilitadas no total de US$4,3 milhões para apoiar um programa de mentores que capacitará centenas de jovens empreendedores de baixa renda na Argentina, Brasil, Colômbia e México.

O programa será executado por quatro organizações sem fins de lucro que adaptaram às condições locais a metodologia de Youth Business International para treinamento de mentores. A metodologia se baseia num programa de The Prince's Trust, organização de caridade fundada pelo Príncipe de Gales para ajudar jovens britânicos desempregados.

A Fundación Impulsar, da Argentina, a Câmara de Dirigentes Lojistas de Florianópolis, Brasil (CDL), a Fundación Mario Santo Domingo, da Colômbia, e Jóvenes Empresarios por México (Jemac) esperam preparar mais de 1.500 novos empreendedores e recrutar cerca de 1.800 líderes empresariais, gerentes e profissionais como  mentores. As empresas a ser criadas pelos beneficiários do programa poderão gerar mais de 3.000 novos empregos.

O Fumin espera que o programa refine o modelo de mentores e estabeleça uma rede de participantes que permita difundir essas atividades em outros países na América Latina, onde o nível de desemprego entre os jovens é mais alto do que a média da região.

A inclusão do setor privado deverá também incentivar a participação em programas de mentores como um bom exemplo de responsabilidade social corporativa com benefícios concretos para os jovens, as empresas e suas comunidades.

Segundo o novo programa, as organizações executoras propiciarão assistência técnica e financeira para jovens de baixa renda com potencial para converter-se em empresários. Para ser selecionados, os candidatos precisam apresentar uma proposta de empreendimento comercial viável e compatível com o programa.

Os jovens selecionados receberão apoio para preparar planos de negócios, realizar pesquisas de mercado e iniciar e gerir um negócio. Terão também acesso a pequenos empréstimos para financiar suas empresas.
 
O programa promoverá também a participação de líderes empresariais, gerentes e profissionais como mentores dos jovens empresários.  Os mentores serão treinados para fornecer aconselhamento e apoio aos jovens para que tomem consciência da importância de valores como a responsabilidade e o cumprimento dos compromissos assumidos.
 
As organizações participantes, que têm fortes laços com grandes empresas na Argentina e no México e com associações comerciais no Brasil e na Colômbia, abrirão escritórios em várias cidades para disseminar o programa e estabelecer novas redes de mentores e jovens empresários.

O Fumin, fundo autônomo administrado pelo BID, promove o desenvolvimento do setor privado e mercados mais eficientes na América Latina e no Caribe. Entre outras atividades, apóia projetos de responsabilidade social corporativa, formação de redes de pequenas empresas e cadeias produtivas e capacitação e certificação para o emprego.

Contato de imprensa