Notícias

BID pronto para ajudar os países membros a combater o coronavírus

Banco pode designar rapidamente até US$ 2 bilhões para apoiar os esforços de contenção da epidemia e fortalecimento dos serviços de saúde na região

O Banco Interamericano de Desenvolvimento está participando ativamente da coordenação dos esforços para combater o surto de COVID-19 com seus países membros e outras instituições internacionais e está preparado para ajudar os países de toda a América Latina e Caribe a lidar com as dificuldades apresentadas pela epidemia.

O BID tem até US$ 2 bilhões em recursos que podem ser programados para países que solicitem apoio financeiro para monitorar a doença, fazer testes laboratoriais e fortalecer seus sistemas de saúde pública. O Banco também pode trabalhar com países que tenham saldos de empréstimos não desembolsados para redirecionar recursos para iniciativas de resposta à epidemia.

Além disso, o BID está avaliando as consequências econômicas da epidemia em seus países membros e contemplando alternativas para oferecer recursos que os ajudem a amenizar os efeitos de médio e longo prazo.

Sob a liderança técnica da Organização Mundial da Saúde e da Organização Pan-Americana da Saúde, o BID continuará a coordenar ações com seus países membros e outras instituições multilaterais para assegurar uma resposta adequada à epidemia.

Sobre o BID

O Banco Interamericano de Desenvolvimento tem como missão melhorar vidas. Fundado em 1959, o BID é uma das principais fontes de financiamento de longo prazo para o desenvolvimento econômico, social e institucional da América Latina e do Caribe. O BID também realiza projetos de pesquisa de vanguarda e oferece assessoria em políticas, assistência técnica e capacitação aos clientes públicos e privados em toda a região.