Jovens com grandes ideias que transformam

Março 14, 2013
Como se consegue resolver velhos problemas? Com novas ideias. Participe e siga-nos no Twitter em @bidjuventud Convém escutar a voz dos jovens, com suas ideias frescas e seus projetos. E especialmente na América Latina e Caribe, a região com a população mais jovem do mundo, e com uma média de idade de apenas 27 anos.

Mulher latino-americana e caribenha: com mais educação, mas pior remuneração

Outubro 15, 2012
Apesar de ter mais anos de estudo que os homens, as mulheres ainda estão concentradas em ocupações com salários mais baixos, tais como educação, saúde e setor de serviços. Ao comparar homens e mulheres da mesma idade e do mesmo nível educacional, os homens ganham 17% a mais do que as mulheres na América Latina.

Cultura cidadã é a chave para reduzir a violência, diz estudo

Maio 30, 2012
Relatório apoiado pelo BID explora a cultura cidadã como fator de sucesso em longo prazo para a redução da violência Qualquer estratégia bem sucedida para a prevenção da violência deve incluir medidas para reconhecer e mudar comportamentos que respondam a crenças, emoções e fatores culturais, de acordo com um novo estudo apoiado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Um teto para o Haiti

Julho 13, 2010
GRAND GOAVE, Haiti – Maryse Auguste diz que está feliz com sua nova casa, um abrigo asseado de um só cômodo construído depois do terremoto de 12 de janeiro por jovens voluntários da Un Techo Para Mi País, uma organização não-governamental especializada em fornecer moradia temporária para os desesperadamente pobres em 16 países norte-americanos.

Haiti volta a exportar

Maio 27, 2010
Os primeiros embarques de mangas orgânicas desta estação partiram da unidade de processamento da Carifresh para os Estados Unidos na última semana de abril, quase dois meses mais tarde do que de hábito. Mas esta não é uma estação normal.

Esperança para o Haiti

Abril 12, 2010
As mangas produzidas no Haiti estão entre as melhores do mundo, mas quase metade de sua colheita é perdida antes de chegar aos mercados. Apenas cerca de 10% das frutas são exportadas. E, paradoxalmente para um país com 10 milhões de mangueiras, o Haiti importa suco de manga.

Reconstrução do Haiti: Serviços Sociais

Fevereiro 11, 2010
Qual foi o motivo de sua viagem para o Haiti? Eu fiz parte de uma missão técnica que passou quatro dias em Porto Príncipe, de 1 a 4 de fevereiro. Os outros membros da sede que compuseram a equipe foram Ketleen Florestal, economista de país para o Haiti, Felipe Gomez-Acebo, especialista financeiro chefe, e Ophélie Chevalier, especialista em moradia e desenvolvimento urbano.

Um equipamento fecundo

Maio 22, 2009
Antes do início do projeto em 2005, os pescadores de Petit Paradis eram pobres demais para consumir o produto de sua própria pesca. Hoje, um dispositivo engenhoso possibilita que alguns pescadores ganhem até centenas de dólares por semana. A grande mudança é a chegada do DCP, ou “dispositivo de concentração de peixes”. O DCP é uma estrutura submersa com longos cabos que atrai plâncton e pequenos peixes, os quais, por sua vez, servem de chamariz para peixes maiores.

América Latina e Caribe devem ter crescimento mais lento nos próximos quatro anos

Março 19, 2009
Líderes da América Latina e do Caribe prevêem que a renda per capita cairá ou terá um crescimento moderado no período de 2009-2012 e que os governos dependerão mais de financiamentos de instituições internacionais, de acordo com uma pesquisa realizada pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Essas expectativas contrastam vivamente com o desempenho econômico recente da região, em que o produto per capita cresceu 4,1% ao ano nos últimos cinco anos.

A Colômbia e o BID

Março 17, 2009
Desde meados da década de 1990, o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) tem sido a principal fonte de financiamento multilateral para a Colômbia. Nos últimos 50 anos, o BID aprovou para esse país mais de US$14,8 bilhões em empréstimos e projetos de cooperação técnica não reembolsáveis.   Ao longo de sua história, o BID apoiou o governo e o setor privado colombianos em áreas fundamentais para o desenvolvimento, como infra-estrutura, modernização e reforma do Estado, pequena e média empresa, agricultura, energia, proteção ambiental e contra mudanças climáticas.