Jovens com grandes ideias que transformam

Março 14, 2013
Como se consegue resolver velhos problemas? Com novas ideias. Participe e siga-nos no Twitter em @bidjuventud Convém escutar a voz dos jovens, com suas ideias frescas e seus projetos. E especialmente na América Latina e Caribe, a região com a população mais jovem do mundo, e com uma média de idade de apenas 27 anos.

Cultura cidadã é a chave para reduzir a violência, diz estudo

Maio 30, 2012
Relatório apoiado pelo BID explora a cultura cidadã como fator de sucesso em longo prazo para a redução da violência Qualquer estratégia bem sucedida para a prevenção da violência deve incluir medidas para reconhecer e mudar comportamentos que respondam a crenças, emoções e fatores culturais, de acordo com um novo estudo apoiado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Dois anos depois, o Haiti vira uma página

Janeiro 09, 2012
Ao se aproximar do segundo aniversário do terremoto de janeiro de 2010, o Haiti está determinado a mostrar ao mundo que se encontra “aberto para negócios” Com a ajuda do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), autoridades do novo governo do Haiti realizaram em novembro uma conferência de investimentos em Porto Príncipe que atraiu mais de 1.000 participantes, entre eles centenas de empresários de 29 países. Vários contratos foram anunciados no evento, incluindo planos para construção de hotéis na capital.

O Caribe e o BID

Setembro 27, 2010
Os países caribenhos de língua inglesa membros do BID – Bahamas, Barbados, Belize, Guiana, Jamaica e Trinidad e Tobago – e o Suriname, de língua holandesa, são unidos por comércio, geografia, história e tradições. Sua situação econômica e desafios de desenvolvimento, porém, podem variam amplamente.

Apoio à recuperação do Haiti após o terremoto

Julho 12, 2010
Nos seis meses que se passaram desde o devastador terremoto de 12 de janeiro, o Banco Interamericano de Desenvolvimento mobilizou um total de recursos sem precedentes para ajudar o Haiti em seus esforços para se recuperar do pior desastre natural que já atingiu um país.
2010-07-12

Reconstrução do Haiti: Serviços Sociais

Fevereiro 11, 2010
Qual foi o motivo de sua viagem para o Haiti? Eu fiz parte de uma missão técnica que passou quatro dias em Porto Príncipe, de 1 a 4 de fevereiro. Os outros membros da sede que compuseram a equipe foram Ketleen Florestal, economista de país para o Haiti, Felipe Gomez-Acebo, especialista financeiro chefe, e Ophélie Chevalier, especialista em moradia e desenvolvimento urbano.

A Colômbia e o BID

Março 17, 2009
Desde meados da década de 1990, o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) tem sido a principal fonte de financiamento multilateral para a Colômbia. Nos últimos 50 anos, o BID aprovou para esse país mais de US$14,8 bilhões em empréstimos e projetos de cooperação técnica não reembolsáveis.   Ao longo de sua história, o BID apoiou o governo e o setor privado colombianos em áreas fundamentais para o desenvolvimento, como infra-estrutura, modernização e reforma do Estado, pequena e média empresa, agricultura, energia, proteção ambiental e contra mudanças climáticas.

Líderes indígenas pedem ajuda para salvar o "coração do mundo"

Setembro 06, 2006
Representantes dos povos indígenas kogui, wiwa, arhuaco e kankuamo da Sierra Nevada de Santa Marta no norte da Colômbia fizeram uma visita a Washington D.C. para difundir uma mensagem de alerta para salvar o meio ambiente mundial e pedir o apoio internacional para a criação de um fundo que lhes permita recuperar seu território tradicional, ao qual se referem como "o coração do mundo".

Latinos do Extremo Oriente

Março 01, 2006
Charo QuesadaQuando um mexicano ou panamenho diz que vai fazer compras no chinês da esquina, não está se referindo ao caso particular de um chinês que, casualmente, abriu uma loja na esquina de sua rua. Em seus países, a loja do chinês na esquina tornou-se uma instituição com uma longa tradição, que oferece um grande e prático estoque de produtos básicos, a baixo custo e com horários de funcionamento amplos.

Apoio à arte caribenha

Fevereiro 01, 2006
Embora seja o país mais pobre das Américas, o Haiti abriga extraordinárias riquezas artísticas e culturais. Mesmo sob condições muito difíceis, a cultura continua a desempenhar um papel central na vida cotidiana das pessoas.