BID busca solução inteligente de energia para municípios

Janeiro 21, 2020
Projeto piloto quer identificar soluções de pequenas empresas e startups capazes de identificar o desperdício de energia em edifícios públicos Manifestações de interesse podem ser enviadas até o dia 03 de fevereiro O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e o BID Lab estão buscando soluções tecnológicas capazes de apoiar na identificação e redução de desperdício de energia em prédios públicos municipais. O consumo de energia elétrica representa a primeira ou segunda maior despesa para a maioria dos municípios do país.
2020-01-21

Inscrições abertas: curso online, gratuito e em português de Gestão de Projetos do BID

Abril 17, 2019
PARTICIPANTE DETERMINA O RITMO DE APRENDIZADO E PODE GANHAR 30 PDUS PMI®

BID busca soluções inovadoras em eficiência energética

Fevereiro 25, 2019
SOLUÇÕES SERÃO COMPARTILHADAS COM CENTENAS DE MUNCÍPIOS QUE CONTARÃO COM RECURSOS DO BANCO PARA INVESTIR EM INFRAESTRUTURA. CHAMADA ESTÁ ABERTA ATÉ O DIA 30 DE ABRIL O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) está recebendo até o dia 30 de abril, o registro de soluções inovadoras em iluminação pública, eficiência energética em prédios públicos e geração distribuída de energia solar.

Especialistas internacionais discutem soluções para doenças tropicais negligenciadas no Brasil

Junho 06, 2013
Essas doenças continuam a ser um problema de saúde pública no Brasil e em outros países da América Latina e do Caribe,aonde são afetadas mais de 100 milhões de pessoas.

Pesquisa do BID mostra que a crise dos alimentos pode aprofundar a pobreza em 19 países

Agosto 12, 2008
Os países latino-americanos e caribenhos precisam fortalecer seus programas sociais para aliviar o impacto do aumento dos preços dos alimentos para os 71 milhões de pobres da região, mostram números recém-divulgados pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento sobre o impacto potencial dos preços dos alimentos. De acordo com o BID, mais de 26 milhões de pessoas na América Latina e no Caribe podem vir a cair em uma situação de pobreza extrema se os preços dos alimentos continuarem elevados.