Jovens com grandes ideias que transformam

Março 14, 2013
Como se consegue resolver velhos problemas? Com novas ideias. Participe e siga-nos no Twitter em @bidjuventud Convém escutar a voz dos jovens, com suas ideias frescas e seus projetos. E especialmente na América Latina e Caribe, a região com a população mais jovem do mundo, e com uma média de idade de apenas 27 anos.

BID anuncia parceria com instituições artísticas e organizações da Sociedade Civil para o Programa de Desenvolvimento Cultural 2012

Agosto 08, 2012
Três organizações brasileiras foram contempladas, nas cidades de Campinas (SP), Olinda (PE) e Sarandi (PR) O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) selecionou 50 instituições parceiras e organizações da Sociedade Civil para financiar e prestar assistência técnica aos projetos de desenvolvimento cultural em 26 países.

BID amplia prazo para apresentação de propostas para o Programa de Desenvolvimento Cultural

Fevereiro 07, 2012
Representações do BID na América Latina e no Caribe receberão pedidos de financiamento até 24 de fevereiro de 2012 O Centro Cultural do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) prorrogou o prazo para que instituições e organizações da sociedade civil apresentem propostas de projetos culturais de pequena escala.

O Caribe e o BID

Setembro 27, 2010
Os países caribenhos de língua inglesa membros do BID – Bahamas, Barbados, Belize, Guiana, Jamaica e Trinidad e Tobago – e o Suriname, de língua holandesa, são unidos por comércio, geografia, história e tradições. Sua situação econômica e desafios de desenvolvimento, porém, podem variam amplamente.

A Colômbia e o BID

Março 17, 2009
Desde meados da década de 1990, o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) tem sido a principal fonte de financiamento multilateral para a Colômbia. Nos últimos 50 anos, o BID aprovou para esse país mais de US$14,8 bilhões em empréstimos e projetos de cooperação técnica não reembolsáveis.   Ao longo de sua história, o BID apoiou o governo e o setor privado colombianos em áreas fundamentais para o desenvolvimento, como infra-estrutura, modernização e reforma do Estado, pequena e média empresa, agricultura, energia, proteção ambiental e contra mudanças climáticas.

Fortalecer as Redes Acadêmicas Regionais da América Latina

Novembro 14, 2006
O BID aprovou um financiamento não reembolsável de US$600.000 para um projeto que busca fortalecer o vínculo entre mais de 700 universidades e centros acadêmicos de pesquisa avançados da América Latina, com a intenção de estimular a cooperação em atividades educativas, científicas e culturais entre os países da região.

A sala de aula na luta pela paz

Janeiro 01, 2006
Charo Quesada Quando uma guerra, desastres naturais, crises econômicas ou violência afligem uma sociedade, o sistema educacional geralmente é uma das primeiras instituições a se desorganizar. No entanto, repetidos casos mostraram que, na seqüência dessas perturbações, a presença e continuidade de programas educacionais é crucial para reconstruir o tecido social.

O impacto da imprensa sobre o bom governo

Agosto 17, 2005
Ao contrário da rádio, da televisão e da Internet, a imprensa escrita proporciona análises mais detalhadas das notícias e serve como “guia para os cidadãos e as autoridades na consecução do bom governo”,  disse o presidente da Associação Interamericana de Imprensa, Alejandro Miró Quesada. Ao falar na Organização dos Estados Americanos (OEA) em Washington, D.C., o jornalista peruano e advogado discutiu a relação entre jornalismo e governança na América Latina e no Caribe.

Não tão iguais perante a lei

Janeiro 01, 2005
Charo QuesadaNo papel, a América Latina é quase um modelo de justiça igualitária e neutra em relação aos gêneros. Praticamente todos os governos da região assinaram e ratificaram acordos internacionais que garantem acesso aos tribunais e igualdade perante a lei independentemente do sexo da pessoa.

Ouvintes no coração da Amazônia

Setembro 02, 2004
Todas as manhãs, a Amazônia peruana acorda ao som do rádio. O rádio é o principal veículo de comunicação na região. Cerca de 81% das pessoas ouvem programas e notícias radiofônicos, de acordo com um estudo feito na área de Loreto. “Aqui em minha comunidade, a sra. Norita está indo muito bem com a sua criação de peixes”, escreve uma mulher numa carta que está sendo lida no ar. “Quando ela vender sua produção, vai mandar a filha à escola para progredir e ser alguém na vida.”