Três organizações de Barbados, Brasil e Nicarágua ganharam o Prêmio Juscelino Kubitschek do BID

Novembro 19, 2013
Candidataram-se ao prestigioso prêmio 496 organizações de 28 países latino-americanos, caribenhos e europeus O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) anunciou hoje que três instituições de Barbados, Brasil e Nicarágua ganharam o Prêmio Juscelino Kubitschek, que reconhece as contribuições de destacados atores em economia e finanças, bem como nos campos cultural, social e científico. 

Registro da imprensa para o Fórum Interamericano da Microempresa no Uruguai

Setembro 28, 2010
O Fundo Multilateral de Investimentos (FUMIN) do Banco Interamericano de Desenvolvimento deu início ao registro de representantes da imprensa que desejem comparecer ao 13o Fórum Interamericano da Microempresa (XIII Foromic 2010), a ser realizado nos dias 6-8 de outubro em Montevidéu, no Uruguai.

FUMIN + BID + CAF Convocam para presentação de propostas Programa Tecnologias para a Inclusão Financeira

Maio 10, 2010
O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), o Fundo Multilateral de Investimentos (FOMIN) e a Corporação Andina de Fomento (CAF) estão buscando propostas de projetos que tenham a meta de melhorar o acesso da população de baixa renda a serviços financeiros através da aplicação de soluções tecnológicas inovadoras na América Latina e no Caribe.

Moreno, Iglesias participam de solenidade de entrega do Prêmio Juscelino Kubitschek

Novembro 24, 2009
O Banco Interamericano de Desenvolvimento realizará a solenidade de entrega do prêmio Juscelino Kubitschek no dia 30 de novembro, em Estoril, Portugal, durante a Cúpula Ibero-Americana. O prêmio reconhece o trabalho das instituições regionais para o desenvolvimento econômico e social da América Latina e o Caribe.

Pesquisa do BID mostra que a crise dos alimentos pode aprofundar a pobreza em 19 países

Agosto 12, 2008
Os países latino-americanos e caribenhos precisam fortalecer seus programas sociais para aliviar o impacto do aumento dos preços dos alimentos para os 71 milhões de pobres da região, mostram números recém-divulgados pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento sobre o impacto potencial dos preços dos alimentos. De acordo com o BID, mais de 26 milhões de pessoas na América Latina e no Caribe podem vir a cair em uma situação de pobreza extrema se os preços dos alimentos continuarem elevados.