Inteligência artificial traz amplos benefícios para América Latina e Caribe: Relatório BID

Agosto 29, 2018
Estudo também apressa governos para anteciparem as consequências da inteligência artificial no mercado de trabalho BUENOS AIRES – A inteligência artificial (IA) pode facilitar as negociações comerciais e aumentar o crescimento econômico em um ponto percentual nas economias da América Latina e do Caribe, segundo relatório do Banco Interamericano Desenvolvimento (BID), elaborado de por seu Instituto para a Integração da América Latina e do Caribe (INTAL).

BID alerta para ambiente comercial difícil e aconselha uma integração comercial pragmática na América Latina e Caribe

Abril 02, 2017
ASSUNÇÃO, Paraguai – A América Latina e o Caribe precisam avançar com determinação para a criação de uma área de comércio regional mais integrada a fim de aumentar as exportações, proteger-se em um ambiente comercial global cada vez mais difícil e estimular as empresas a se tornar mais produtivas e entrar nas cadeias de abastecimento globais, de acordo com um relatório do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

A contração das exportações da América Latina e do Caribe é mais intensa que a do comércio global

Novembro 17, 2016
Os países sul-americanos y do Caribe foram os mais afetados Depois de dois anos de queda, as exportações de bens da América Latina apresentaram uma contração de 14,8 por cento em 2015 e de 8,5 por cento nos primeiros sete meses de 2016, segundo o novo Monitor de Comércio e Integração 2016 do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

A Colômbia e o BID

Março 17, 2009
Desde meados da década de 1990, o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) tem sido a principal fonte de financiamento multilateral para a Colômbia. Nos últimos 50 anos, o BID aprovou para esse país mais de US$14,8 bilhões em empréstimos e projetos de cooperação técnica não reembolsáveis.   Ao longo de sua história, o BID apoiou o governo e o setor privado colombianos em áreas fundamentais para o desenvolvimento, como infra-estrutura, modernização e reforma do Estado, pequena e média empresa, agricultura, energia, proteção ambiental e contra mudanças climáticas.

A Corporação Interamericana de Investimentos alcança resultados financeiros recorde pelo quinto ano consecutivo

Abril 08, 2008
MIAMI, EUA -- Em 8 de abril de 2008, a Corporação Interamericana de Investimentos (CII) apresentou seus resultados financeiros durante a vigésima terceira reunião de sua Assembléia de Governadores. O relatório foi ratificado pelos Governadores dos países membros da CII. De acordo com o relatório anual da CII, seu ativo total triplicou nos últimos cinco anos, atingindo US$ 1,24 bilhão no fim do ano de 2007.

BID formará alianças para estimular o crescimento e melhorar a qualidade de vida na América Latina e no Caribe

Abril 08, 2008
MIAMI - O Banco Interamericano de Desenvolvimento forjará novas alianças com governos, empresas e organizações filantrópicas para estimular o crescimento e combater a pobreza na América Latina y no Caribe, afirmou hoje o presidente do BID, Luis Alberto Moreno. No encerramento da reunião anual da Assembléia de Governadores, a cúpula máxima que toma decisões no BID, Moreno mencionou que esta instituição quase cinqüentenária há trabalhado tradicionalmente com governos centrais. Agora fortalecerá a cooperação com outros sócios.

BID alcança recorde de US$9,6 bilhões em novas operações aprovadas em 2007

Abril 07, 2008
  O Relatório Anual destaca novas iniciativas para tornar o BID um “parceiro indispensável” para a região   O Grupo do Banco Interamericano de Desenvolvimento alcançou um recorde em seu programa de empréstimos em 2007, com a aprovação de US$ 9,6 bilhões em financiamentos para projetos na América Latina e no Caribe, de acordo com seu mais recente Relatório Anual.  

Clinton recomenda reformas microeconômicas para ampliar o acesso à classe média

Junho 13, 2006
A América Latina deve levar a cabo reformas microeconômicas que permitam às pessoas de baixa renda ter acesso à classe média, e não ficar paralisada pelo debate entre a disciplina fiscal e o gasto social, disse hoje o ex-presidente dos Estados Unidos, Bill Clinton.

O efeito multinacional

Janeiro 21, 2004
Muitas pessoas partem do princípio de que o investimento de firmas multinacionais está ligado a efeitos econômicos negativos no país que as hospeda ou rejeitam a hipótese de que o investimento direto estrangeiro acelera o crescimento da produtividade das empresas nacionais.