Panorama global enfraquecido reduz perspectivas de crescimento na América Latina

Abril 15, 2019
Investimentos em infraestrutura são considerados essenciais para ajudar a região a superar as dificuldades econômicas mundiais Uma combinação de choques econômicos poderia limitar o crescimento na América Latina e Caribe em uma média anual de até 1,7% do PIB em 2019-2021, reduzindo a taxa básica de crescimento de 2,5% para apenas 0,8. por cento, de acordo com o Relatório Macroeconômico do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Inteligência artificial traz amplos benefícios para América Latina e Caribe: Relatório BID

Agosto 29, 2018
Estudo também apressa governos para anteciparem as consequências da inteligência artificial no mercado de trabalho BUENOS AIRES – A inteligência artificial (IA) pode facilitar as negociações comerciais e aumentar o crescimento econômico em um ponto percentual nas economias da América Latina e do Caribe, segundo relatório do Banco Interamericano Desenvolvimento (BID), elaborado de por seu Instituto para a Integração da América Latina e do Caribe (INTAL).

BID inicia consulta pública sobre a nova Estratégia de Desenvolvimento do Setor Privado

Janeiro 21, 2011
O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) está iniciando a primeira fase de consultas públicas para o desenvolvimento da sua nova Estratégia de Desenvolvimento do Setor Privado (EDSP).

BID inicia consulta pública para a Estratégia de Política Social favorável a Equidade e a Produtividade

Novembro 09, 2010
O BID está lançando a primeira fase de consulta pública para a preparação da nova estratégia destinada a política favorável a equidade e a produtividade.

BID inicia consulta pública para nova estratégia de integração competitiva regional e global

Novembro 04, 2010
O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) anuncia o início da primeira fase da consulta pública para desenvolver sua nova Estratégia de Integração Competitiva Regional e Global.

China Eximbank e BID expandem atividade comercial

Outubro 22, 2010
CHENGDU, China – O Export-Import Bank of China (“China Eximbank”) e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (“BID”) assinaram uma Carta de Intenções para estimular o comércio entre a China e a América Latina e Caribe (“LAC”) na Cúpula Empresarial China-LAC que se realiza em Chengdu, China, em 21 e 22 de outubro de 2010.

Cúpula Empresarial China-LAC abre com mais de 1.000 participantes inscritos

Outubro 20, 2010
CHENGDU, China – Mais de mil autoridades governamentais e empresários da América Latina e Caribe, China, Japão e Coreia participaram hoje da sessão de abertura da Cúpula Empresarial China-LAC com altas autoridades chinesas e executivos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Os participantes receberam as boas-vindas do governador da província de Sichuan, Jiang Jufeng; do presidente do Conselho Chinês para o Fomento do Comércio Internacional (CCPIT), Wan Jifei; do presidente do Banco Popular da China, Zhou Xiaochuan; e do presidente do BID, Luis Alberto Moreno.

Microfinanças vêm ganhando reconhecimento global e melhor viabilidade comercial, diz o Microscópio

Outubro 05, 2010
As microfinanças estão deixando rapidamente de ser um produto de nicho para se tornar uma forma mundialmente reconhecida de finanças, com a tecnologia permitindo que o setor ofereça empréstimos e outros serviços financeiros a populações e empresários de baixa renda do mundo inteiro, de acordo com o Microscópio Global sobre o Ambiente de Negócios para as Microfinanças 2010.

BID lança Convocatória para Apresentação de Propostas para ampliar a integração da América Latina e Caribe

Setembro 21, 2010
O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) lançou uma Convocatória para a Apresentação de Propostas inovadoras que gerem bens públicos para promover a integração regional da América Latina e Caribe.

BID e parceiros procuram projetos de turismo sustentável para destinos costeiros e de água doce

Setembro 14, 2010
O Fundo Multilateral de Investimentos (FUMIN), membro do grupo Banco Interamericano de Desenvolvimento, e dois parceiros estão à procura de propostas de turismo sustentável para destinos costeiros, de água doce e insulares que protejam o meio ambiente e fortaleçam o patrimônio cultural e a subsistência das populações locais.