Notícias

BID e município de Maracanaú assinam contrato para melhorar mobilidade urbana

EMPRÉSTIMO DE US$ 31,7 MILHÕES PERMITIRÁ AMPLIAR E QUALIFICAR A INFRAESTRUTURA E LOGÍSTICA URBANA DO MUNICÍPIO 

Brasília - O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e a prefeitura de Maracanaú assinaram na última sexta-feira um contrato de empréstimo no valor de US$ 63,5 milhões para investimentos em transporte e logística urbana. O empréstimo do BID foi de US$ 31,7 milhões e a prefeitura entrou com uma contrapartida de igual valor. 

Participaram da assinatura o prefeito de Maracanaú, José Firmo Camurça Neto, o representante do BID no Brasil, Hugo Flórez Timorán, o secretário de infraestrutura do município, Felipe Mota, a coordenadora geral do programa, Lissa Motta e a especialista em Transporte do BID, Karisa Ribeiro. 

Com o projeto será possível impulsionar a produtividade do município, que é parte da região metropolitana de Fortaleza, capital do Ceará, uma das áreas com maior potencial de desenvolvimento econômico no Nordeste do Brasil. 

O projeto permitirá diminuir os tempos de viagem e os custos de operação do transporte de carga e passageiros pela adequação da infraestrutura viária e melhoria de suas conexões com a malha viária regional, reduzindo as emissões de gases de efeito estufa com a utilização de uma pista dedicada ao transporte público, além de dar apoio ao fortalecimento institucional do município. 

A localização estratégica de Maracanaú, junto a importantes rodovias, ao aeroporto internacional de Fortaleza e a vários portos internacionais, constitui uma vantagem competitiva para o crescimento da região e impulsionou a instalação em seu território do maior distrito industrial do estado, com uma área de cerca de 13,3 km2, o que representa 21% da área urbana. No entanto, a expansão da atividade econômica tem aumentado fortemente o uso de veículos motorizados e a quantidade de viagens, levando a baixa velocidade de circulação do sistema de transporte e grandes congestionamentos, o que resulta em efeitos negativos para o tempo de viagem, os custos, o consumo de combustível e as emissões. 

O projeto prevê ainda intervenções na rede viária com a duplicação, pavimentação e recuperação das vias locais a fim de aumentar sua capacidade. Além disso, a iniciativa melhorará as conexões de acesso à rede estadual e federal e a eficiência do transporte público pela criação de uma pista dedicada exclusivamente para os ônibus, que utilizará rotas já existentes.

O programa também apoiará o aperfeiçoamento institucional por meio do desenvolvimento de um plano logístico e da implementação de ferramentas de planejamento, assim como de ações de mitigação da mudança climática e de estímulo do trabalho com a iniciativa privada. Um diferencial do programa é que ele abrange também o tema de gênero no transporte público coletivo e fomenta a participação das mulheres no processo.

Sobre o BID

O Banco Interamericano de Desenvolvimento tem como missão melhorar vidas. Fundado em 1959, o BID é uma das principais fontes de financiamento de longo prazo para o desenvolvimento econômico, social e institucional da América Latina e do Caribe. O BID também realiza projetos de pesquisa de vanguarda e oferece assessoria sobre políticas, assistência técnica e capacitação para clientes públicos e privados em toda a região.