Pular Navegacão global
Sobre o BID
BID - Home > Sobre o BID > Nossa organização
Comment Tool Comente
Comment Tool Comente

Seu comentário sobre esta página:






Share Tool Compartilhar
close Share Tool Compartilhar

Países membros

Alemanha* Dinamarca*  México* ^
Argentina* ^ El Salvador* ^ Nicaragua* ^ 
Áustria*  Equador* ^  Noruega*
Bahamas* ^ Eslovênia Países Baixos * ^
Barbados* ^  Espanha* ^ Panamá* ^
Bélgica* Estados Unidos* ^ Paraguai* ^
Belize* ^ Finlândia* Peru* ^ 
Bolívia* ^ França*^ Portugal* ^
Brasil* ^ Guatemala* ^ Reino Unido ^
Canadá^ Guiana* ^ República Dominicana * ^ 
Chile* ^ Haiti*^ Suécia * ^
China, República Popular da* ^ Honduras* ^   Suíça * ^
Colômbia* ^ Israel*  Suriname*^ 
Coréia, República da* ^ Itália* ^ Trinidad e Tobago* ^
Costa Rica* ^ Jamaica* ^ Uruguai* ^
Croácia Japão* ^ Venezuela* ^
---------------------------------    
* Membro da Corporação Interamericana de Investimentos
^ Membro do Fundo Multilateral de Investimentos

Países membros mutuários

Países membros não mutuários

O BID foi fundado em 1959 como uma parceria entre 19 países da América Latina e os Estados Unidos. Os países membros originais eram Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, El Salvador, Equador, Guatemala, Haiti, Honduras, México, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, República Dominicana, Uruguai, Venezuela e Estados Unidos.

Ao longo das décadas seguintes, o Banco ampliou o número de membros, inicialmente somente no Hemisfério Ocidental. Trinidad e Tobago tornou-se membro em 1967, logo seguido de Barbados (1969), Jamaica (1969), Canadá (1972), Guiana (1976) e Suriname (1980). Os países membros não regionais ou de fora do Hemisfério Ocidental, 16 Estados europeus mais Israel e Japão, tornaram-se membros entre 1976 e 1986. Belize passou a membro em 1992 e a Croácia e Eslovênia aderiram como estados sucessores da Iugoslávia em 1993. A República da Coréia tornou-se um país membro em 2005 e a República Popular da China em 2009.

Cuba assinou mas não ratificou os Artigos do Convênio Constitutivo, a carta da instituição, não sendo portanto ainda membro.

Atualmente, o BID é de propriedade de seus 47 estados membros, dos quais 26 são membros mutuários da América Latina e do Caribe. O poder de voto de cada país membro é determinado por sua subscrição de recursos ao capital ordinário da instituição.

Para tornar-se membro regional, o país primeiro tem que ser membro da Organização dos Estados Americanos. Para ser membro não regional, o país deve ser também membro do Fundo Monetário Internacional. Uma segunda exigência em ambos os casos é a subscrição de ações do Capital Ordinário e uma contribuição ao Fundo para Operações Especiais.

© 2014 Banco Interamericano de Desenvolvimento - Todos os direitos reservados.