Redes de segurança para os pobres

O BID apoia a criação e expansão de redes de segurança social na região para proteger os mais vulneráveis. Programas de transferência condicionada de renda, como o Oportunidades no México e o Bolsa Família no Brasil, têm proporcionado a milhões de pessoas a oportunidade de romper o ciclo da pobreza de uma geração para a seguinte.

O Banco vem financiando a implementação e expansão de programas desse tipo em toda a região. Esses programas ajudam a lidar com as causas que estão na base da pobreza: nutrição e educação deficientes. Isso acontece porque, ao mesmo tempo em que oferecem renda aos pobres, eles asseguram que as crianças frequentem a escola e recebam atendimento de saúde adequado.

Estudos empíricos mostram que os primeiros benefícios das transferências de renda para os pobres são um aumento nos gastos com alimentos e dietas mais diversificadas. Dezoito dos 26 países membros mutuários do Banco têm programas de transferência condicionada de renda em vigor. O Banco financia ou trabalha em 16 desses programas.

Recentemente, o BID financiou programas de transferência condicionada de renda no México, Honduras e Guatemala. O Banco também apoiou iniciativas para melhorar a eficiência dos programas no Paraguai e no México.